Correspondência

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Correspondência

Mensagem por Merlin em Qui Jul 09, 2015 6:11 am

Correspondência

Especializações: Invocação, Distorção, Observação, Teleporte, Proteção.

Espaço, inter-relações e vínculos simpáticos se tornam mais claros com o estuda da Correspondência. Ao dobrar o espaço ou desviar-se completamente dele, um mago pode viajar rapidamente, voar ou teleportar-se de um ponto a outro. A percepção dos locais permite que o mago observe lugares distantes ou direcione a mágika através das distâncias. Com o vínculo entre uma pessoa e um objeto, os /efeitos podem ser disparados por meio de rituais de conexão.

A distância não é uma barreira para o mestre da Correspondência. De fato, a distância e até mesmo o espaço não existe para os estudiosos dessa Esfera. Por meio da hipótese do Ponto de Correspondência unificado, os magos perceberam que todas as coisas ocupam o mesmo espaço – ou espaço nenhum. Os adeptos da Virtualidade, estudiosos modernos mais dedicados à Esfera, teorizam que todas as coisas coexistem num Espaço-Todo ou Ponto de Correspondência único, e que a transposição do espaço é apenas questão de perceber essa unidade. Matematicamente, o espaço é uma ilusão, um constructo conveniente da mente. De acordo com essas teorias, objetos, pessoas e lugares não ocupam espaço realmente. Em vez disso, tudo é apenas um Padrão e o espaço simplesmente descreve as relações de diferentes Padrões entre si.

Magos com inclinação mais mística vêem a Correspondência através das teorias de propagação e simpatia. Duas coisas que se tocam partilham trações dessa conexão, que pode ser invocada por meio da Correspondência. Objetos ou locais de Padrões similares podem ser manipulados através dessa semelhança. Qualquer tipo de conexão abre as portas para a manipulação dos Padrões. Afinal, é muito mais fácil trabalhar em campos conhecidos que em terreno estranho.
Por si mesmo, o entendimento da esfera é muito abstrato. Um mago capacitado em Correspondência é capaz de dimensionar espaços, encontrar conexões entre objetos e mover Padrões. Combinada a outras Esferas, ela se torna uma ferramenta formidável. O uso adequado da Correspondência permite que o mago ultrapasse os limites de seus sentidos, envie suas mágicas e ações para lugares ou objetos distantes, bastando para isso encontrar alguma conexão entre eles. A visualização Correspondente permite ao mago observar lugares, pessoas ou coisas longínquas, podendo tocá-las, alcançá-las ou arrastá-las consigo. Porém, esse é um caminho de duas vias. Assim que o personagem forma a conexão, ela pode ser rastreada até ele.

A tabela no final da página faz referencia aos tipos de vínculos gerados pela Correspondência. Quanto mais distinto um conjunto de objetos, ou quanto maior a distância perceptível a ser cruzada, mais difícil é o Efeito de Correspondência. Essa transposição pode ser combinada com outros Efeitos; fazê-lo torna a mágika mais difícil de executar, mas permite alcances maiores, possivelmente além dos sentidos normais do mago ou para lugares dos quais não tem consciência. Normalmente, um personagem é capaz de entender a magia até áreas cobertas por seus limites sensoriais, mas a Correspondência ultrapassa essas limitações. A esfera permite ao mago executar Efeitos além de sua linha de visão, limite de audição e outros locais fora do alcance normal.

A despeito de sua capacidade para transpor distâncias, e espaços, a Correspondência funciona apenas com Padrões inteiros, exceto se combinada com várias Esferas Padrão. Ou seja, é impossível teleportar o coração de alguém usando apenas essa Esfera. Essencialmente, a Correspondência não afeta os Padrões diretamente; essas manipulações devem ser realizadas com outras mágicas. Ela somente permite que os Padrões sejam afetados, totais e completos, para mudanças de espaço ou distância. Caso o mago deseje usar Esferas Padrão para afetar algo através da Correspondência, estará limitado pelo nível dessa última (se for menor que a Esfera Padrão). Portanto, o personagem pode teleportar alguma coisa com essa Esfera, mas se quiser alterar um Padrão à distância, sua capacidade na Correspondência é tão importante quanto seu conhecimento nas outras Esferas.

Estudantes avançados da Esfera parecem confusos ou distraídos, como se não estivessem atentos ao seu ambiente imediato. Na verdade, eles estão constantemente atentos aos arredores, mas numa profundidade difícil de compreender. Contrariando essa aparente distração, esses magos executam movimentos extremamente precisos, resultado de seu entendimento íntimo das distâncias.
avatar
Merlin
Admin

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/06/2015

Ver perfil do usuário http://mago-a-ascencao.forum-livre.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Correspondência

Mensagem por Merlin em Dom Maio 22, 2016 3:33 pm

Níveis


• Percepções Espaciais Imediatas
A compreensão básica da Correspondência permite que o mago desenvolva julgamentos precisos e intuitivos de distâncias ou áreas. Um efeito simples aumenta a percepção de espaço do mago para determinar direções e distâncias exatas. Ele pode lançar feitiços para “sentir” os contornos do espaço a sua volta, usando sentidos místicos para definir a localização de outros Padrões, mesmo além de seu limite sensorial normal. Com os Efeitos apropriados, ele consegue detectar fendas espaciais ou a presença de portais, buracos negros, buracos de minhoca e outras instabilidades ou quebras no tecido da distância perceptível.

Combinando várias Esferas Padrão, o personagem PE capaz de determinar os tamanhos ou distâncias exatas de criaturas, objetos ou forças. Ao lado de Esferas mais efêmeras, pode-se obter noções vagas da localização de seres pensantes próximos, a área de poder de um Nodo ou a direção e distância de uma peculiaridade ou coincidência estranha.

•• Sentir o Espaço - Tocar o Espaço
Usando mágicas de observação e projeção, o mago pode liberar seus sentidos para vários lugares além da sua forma física. Ele pode tocar ou sentir algo distante ou utilizar magia para espionar paisagens longínquas. O personagem escolhe um alvo e executa o Efeito pertinente para observá-lo. Sentir uma área distante forja um tipo de conexão entre o mago e o local – uma fenda de Correspondência, fruto do contato entre o Padrão do Desperto e o lugar – que pode ser detectada com a simples percepção fornecida pela Esfera. Essa conexão também amplia a consciência do mago, permitindo-lhe executar mágicas nesses locais. Por sua vez, o mago pode erguer proteções contra espionagem ou defender os Padrões que observou contra Efeitos de invocação e transporte, fortalecimento o alicerce do espaço e limitando espionagens à distância.

Combinando os sentidos da Correspondência com as Esferas Padrão, é possível afetar pequenos Padrões à distância. O mago pode alcançar e tocar uma pedra afastada e então usar Matéria mais Correspondência pra arrastá-la até sua mão, conjurando-a através de um campo aberto. Similarmente, ele pode pousar um animal em outro lugar com u mtoque e um Efeito conjunto de Correspondência e Vida. Todos os Efeitos de Esferas Padrão executados junto com a Correspondência estão limitados ao nível dessa última. Aliado a outras Esferas, o longo alcance da Correspondência permite ao mago procurar alguém para estabelecer contato mental ou ler seus pensamentos, projetar manipulações de probabilidade, pesquisar fontes de Quintessência e observar os mundos espirituais longínquos.

•••Perfurar o Espaço – Lacrar Passagens – Percepção Multilocal
Dilacerando o próprio tecido da realidade, o mago é capaz de abrir pequenos portais para outros locais e atravessá-los. Embora o personagem possa enviar apenas seus sentidos para o local antes, agora está capacitado a se teleportar. Ele só precisa sentir seu destino – ou aleatoriamente invocar um lugar, mesmo que seja extremamente perigoso – e então realizar o Efeito apropriado para trocar seu padrão de lugar. Reunir conexões de diversos Padrões – ou rompê-las – também é possível, e isso fortalece ou enfraquece os vínculos afetados, o que pode ser explorado mais tarde por meio da Correspondência.

Ao fortalecer as tramas do espaço em vez de perfurá-las, um mago lacra portais e bloqueia a passagem de Efeitos Correspondentes. Ele pode barrar o acesso a uma área, de forma mundana ou usando uma Esfera. Esse Efeito impede transportes numa localidade, e pode ser associado a Padrões distintos do mago.

Finalmente, a compreensão moderada da Esfera permite ao mago dividir suas percepções entre vários lugares ao mesmo tempo. Mesmo que possa abrir somente uma porta por vez ou manipular apenas Padrões individuais sem esforço excessivo, o personagem consegue obsevar diversos locais simultaneamente. Ele apreciará o espetáculo de maneira pertinente ao seu paradigma: pode haver imagens fantasmagóricas sobrepostas ao seu redor ou séries de pequenas imagens simultâneas de lugares diferentes.

Ao lado da Esfera Padrão, o mago habilitado em Correspondência pode teleportar Padrões ou mover objetos distantes. Ele atinge e ultrapassa o espaço para tocar o objeto. Pesquisar várias localidades de uma vez permite que o personagem realize investigações muito precisas, principalmente se usar outras Esferas para chegar a resultados específicos.

••••Dilacerar o Espaço – Multilocalizar-se
Os Iniciados da Correspondência são capazes de perfurar a Trama e criar passagens ou abrigos no espaço, forçando essas distorções a permanecerem abertas em vez de apenas deslizar seus Padrões por elas. O mago consegue criar um buraco de minhoca ou portal permanente que transportará qualquer um para outro lugar; ou pode dobrar o espaço de modo a remover totalmente algo dos limites da Trama. O espaço não é necessariamente tão mutável, mas vários pontos podem ser conectados, e os Padrões depositados em novos lugares ou fora do conceito de “espaço”. Combinados a proteções específicas, os portais espaciais seriam seletivos, deixando apenas determinados Padrões passarem por eles.

Obrigando seu padrão a se manifestar em várias localidades perceptíveis, o mago parece existir em muitos lugares ao mesmo tempo. O uso cuidadoso das Esferas faria o personagem pensar separadamente (Mente) ou agir de forma independente (Vida) em cada posição.

Utilizando as Esferas Padrão, o iniciado pode teleportar e mover objetos, além de criar protais que barram ou destroem certos Padrões. Um determinado construto pode ser enclausurado numa bolha de ‘não-espaço’, separado eternamente do universo. Dentro dessa bolha, o mago poderia observar com segurança ou esconder um objeto para que não seja manipulado ou encontrado.

••••• Alterar Localidades – Multilocalização
Os Mestres da Correspondência não apenas reúnem espaços distintos e repartem a coesão do universo, mas também conseguem dobrar, distorcer e flexionar o espaço como argila. Eles podem transpor distâncias, alterar volumes e ignorar o conceito de arcos e ângulos. Um cetro de um metro pode ser ampliado para ter quase três, uma arma pode ser dobrada, de modo que o projétil saia de um cano aparentemente curvo e atinja o atirador, já que a bala viaja pelo espaço distorcido e segue uma linha reta através do cano dobrado.

Da mesma forma que o Iniciado consegue amontoar suas percepções ou presenças para observar e interagir com muitos lugares, o Mestre é capaz de arrastar pedaços inteiros do espaço para interagirem livremente. Em vez de criar portais passíveis de serem atravessados, áreas inteiras se sobrepõem umas às outras. Objetos e criaturas são um só agora. Pode-se criar itens justapostos que não se danificam; na verdade, mais de um corpo pode ocupar um único espaço ao mesmo tempo.

Os Mestres da Correspondência utilizam outras Esferas para fazer os Padrões interagiram de maneiras bizarras em espaços sobrepostos, aparecerem em vários locais usando corpos e pensamentos independentes, refletir as distorções espaciais dos objetos em suas características físicas e proteger áreas contra intrusão.
avatar
Merlin
Admin

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/06/2015

Ver perfil do usuário http://mago-a-ascencao.forum-livre.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Correspondência

Mensagem por Merlin em Dom Maio 22, 2016 3:34 pm


Efeitos de Correspondência

• Paisagem da Mente — Este Efeito, disponível para todos os discípulos da Correspondência, permite que um mago
sinta a presença de objetos que preenchem o espaço ao seu redor. Ele pode estender a área de percepção, mas isto requer mais e mais concentração ativa. Depois que a área alcança o diâmetro de um quarteirão, as informações sensoriais tornam-se grandes demais para que se possa agüentar.

• Ondestou? — O mago pode sentir onde está em relação a todo o resto. Os Adeptos da Virtualidade chamam este
Efeito de "ondestou?" Quando usado em conjunto com o primeiro nível de Espírito, ele pode estabelecer em que mundo ou Reino Fragmento (e onde dentro deste) o mago está, enquanto um Efeito conjugado com Mente l permite que o mago descubra se ele está sofrendo de alucinações ou sonhos.

•• Abrir/Fechar Janela (Sentir Correspondência) — Através da técnica antiga de investigação, um mago pode abrir
uma janela no espaço e estender seus sentidos através dela para observar eventos em locais remotos. Isto é combinado freqüentemente com Tempo ou Espírito para realizar procuras em outras épocas ou mundos.

A investigação também pode examinar perturbações na Trama, como aquelas deixadas por um mago que se teleportou ou por uma investigação anterior, e segui-las até o outro lado. Combinando-a com Espírito, um mago pode rastrear até outro Reino. Entretanto, este tipo de espionagem pode ser detectado por um alvo que jogue Percepção + Consciência (ou Prontidão, para outras criaturas místikas), dificuldade 7.

Um mago também pode reverter este Efeito para fechar uma janela ou impedir que uma se abra, por exemplo quando ele sentir que alguém está tentando investigá-lo. Isto funciona como uma contramágika em oposição ao espião.

•• Aporte — Fazendo pressão contra o tecido do espaço, um mago pode fazer um pequeno furo na Trama. Embora se
jam pequenas demais para se atravessar, estas brechas permitem que o mago agarre itens distantes e os puxe — ou mande-os embora — usando Vida ou Matéria. Isto só funciona para objetos muito pequenos e simples. Uma variação de terceiro nível permite que o mago crie uma conexão com algum objeto simples — outra vez com Vida ou Matéria — o que permite que este levite ou voe pela duração do Efeito.

•• Proteção — Enquanto as janelas no espaço são o método mais popular para espionagem mágika, as proteções são a prevenção mais popular. O mago trabalha com as linhas da sua mágika e o tecido do espaço, criando uma proteção. As Proteções variam em força, indo desde uma mera "persiana para janelas" até uma "tranca de ferro." Cada sucesso reduz as tentativas de investigação, aporte ou teleporte da mesma forma.

Realmente, algumas áreas são tão protegidas que se levaria anos para atravessá-las — o que, logicamente, é mais do que justo, uma vez que estas proteções também levaram anos para serem criadas. Tentativas de se destruir uma proteção deixarão marcas, a não ser que o mago decida repará-las e acobertar seus rastros. Muitas proteções, especialmente as antigas e poderosas, possuem chaves ou portas dos fundos; os magos que as possuam (ou que as descubram através de jogadas de Enigmas ou Computador) podem atravessá-las. Com Vida ou Matéria, as proteções também podem ser feitas em pessoas ou objetos, tornando mais difícil a espionagem ou o acesso a eles via Correspondência.

Uma variação de nível 3, Banimento, pode realmente impedir objetos ou seres contra os quais haja uma proteção. Apenas uma coisa específica — facas, relâmpagos, vampiros — pode ser banida deste modo. Para que isso seja feito, é necessário um item com alguma conexão com a coisa banida, um Efeito conjugado com Vida, Matéria ou Espírito 3 e cinco ou mais sucessos. Apenas desfazer (veja "Contramágika") pode destruir um banimento, embora os objetos que não foram banidos — balas, objetos ou feitiços lançados pelo grupo banido — passam direto a não ser que estes também tenham sido banidos. Por mais estranho que pareça, isto não funciona contra Mágika Verdadeira ou espíritos do Paradoxo. Isto conserva-se até o fim da duração do feitiço.

• • • Corrente — Uma corrente é uma ligação mágica que conecta dois objetos ou criaturas entre si através de Ressonâncias combináveis. Tais ligações muitas vezes já existem, mas um mago com Correspondência pode fortalecê-las ou criar uma onde antes não havia nenhuma. Para cada sucesso neste Efeito, um mago pode fazer
com que um objeto ou criatura suba (ou desça) em um nível na Tabela de Alcance para Correspondência.

• • • O Passo de Sete Léguas — O nome deste Efeito vem dos tempos medievais e dos magos da Ordem de Hermes que usavam freqüentemente " botas de sete léguas" como focos para este Efeito, em que cada passo levava o usuário precisamente sete léguas para frente. Esta mágika cria uma fenda pequena e extremamente transitóriano tecido do espaço, permitindo que o místiko a atravesse para alcançar qualquer outro local na Terra. Dependendo da mágika utilizada, ele pode ver todo o espaço intermediário movendo-se como um borrão, ou pode simplesmente bater os calcanhares, desaparecer e reaparecer.

Este Efeito não imuniza o mago contra os seus novos arredores; se ele se deslocou até o fundo do oceano esperando que um submarino estivesse ali, ele seria esmagado pela pressão tremenda da água. Investigar com antecedência o destino desejado é aconselhável — "olhe onde pisa," como diz o provérbio. Conseqüente-mente, muitos magos preferem espelhos mágikos como seus focos, uma vez que eles podem ser usados tanto para olhar quanto para se
atravessar. Existem variações de nível 4 deste Efeito, envolvendo a teleportação de máquinas, cabines ou portas secretas. Estes Efeitos de nível superior transportam alvos maiores ou mais numerosos. Erros de orientação são fatais; um alvo que não é visto no momento em que desaparece tem menos chances de provocar suspeitas — e Paradoxo.

• • • Visão Dividida — Os Cultistas do Êxtase amam este Efeito, que multiplica a quantidade de informações sensoriais recebidas. Um mago simplesmente estende seus sentidos para locais múltiplos ao mesmo tempo; visões sobrepõem-se umas às outras como numa multiexposição fotográfica, e os sons se misturam como vários rádios sintonizados em estações diferentes. Não há limite quanto ao número de locais que um mago pode sentir, mas é necessária uma jogada de Raciocínio para distinguir quais objetos estão em qual local. A dificuldade é igual ao dobro
do número de cenas que se está observando. Ir além do nível de Percepção ou de Raciocínio de uma pessoa é perigoso; esta sobrecarga pode levar um místiko ao Silêncio.

• • • Filtrar o Espaço-Tudo — Se tiver certo conhecimento sobre uma pessoa ou um objeto, o mago pode vasculhar a realidade para descobrir aonde o objeto existe no espaço tridimensional. Quanto menos o místiko souber, mais tempo levará a busca, e não há garantias. Existem muitas áreas fortemente protegidas no espaço tridimensional, sem falar nos portais para outros mundos e épocas, portanto estas buscas são longas e incertas.

• • • Caçada ao Vácuo — Esta versão avançada de Abrir Janela permite que um mago habilidoso em Correspondência possa seguir uma perturbação na Trama de volta ao seu ponto de origem. Enquanto a Correspondência de segundo nível permite que um mago reabra uma janela, este Efeito permite que o mago atravesse pessoalmente para confrontar o espião. Este Efeito é particularmente popular entre os Eutanatos. Entretanto, a Correspondência lida apenas com o espaço; alguns distúrbios estendem-se para outras épocas e dimensões. Para estar absolutamente certo da sua presa, os magos mais velhos aconselham que os rastreadores adicionem percepções de Tempo e Espírito para orientá-los. Nunca mais se ouviu falar de certos magos que usaram este Efeito, uma vez que muitos distúrbios não são o que parecem...

• • • • Bolha de Realidade — Usando esta mágika, o mago distorce o espaço ao redor do seu corpo ou de outra coisa, levando-a até o seu próprio universo em miniatura. Neste estado ela é completamente invisível e intangível para tudo ao seu redor. Contudo, as paredes para o mundo exterior são finas, e o mago pode olhar para dentro (ou fora) da sua bolha de realidade. Mover bolhas e bolhas grandes (que poderiam conter uma motocicleta ou um prédio) exigem quatro sucessos ou mais.

• • • • Portal de Hermes — A Ordem de Hermes afirma ter criado este Efeito de Correspondência, cortando uma Passagem permanente na Trama, e então selando a abertura com um banimento poderoso para impedir a passagem de tudo, a não ser de criaturas sensíveis e dispostas.

A mágika resultante cria uma janela aparente que pode conectar uma sala e o fundo do oceano, enquanto previne que a água e os peixes não jorrem através da abertura. Ã alternativa logicamente é altamente vulgar e extremamente perigosa, embora já tenham ocorrido casos, especialmente como uma medida terrorista dos
Desauridos.

Muitos desses portais podem ser colocados no mesmo lugar, dando a impressão de uma sala de espelhos, cada qual levando para um local diferente, com uma área de espaço nulo no meio.

• • • • • Multilocalização — Com esta mágika bizarra, um mago pode empilhar localizações múltiplas, permitindo que elas interajam livremente. Nenhum dano é causado para objetos que se sobrepõem durante a multilocalização, mesmo assim eles são sólidos um para o outro e, uma vez separados, não se sobreporão outra vez. Empilhar duas localizações é possível, mas altamente vulgar (aumente a dificuldade para 10); e falando de um modo geral, isso só é realizado por Desauridos.

• • • • • Polipresença — O mago pode aparecer em diversos lugares ao mesmo tempo. Este Efeito assemelha-se a Visão Dividida, mas além de sentir os lugares, a forma física do mago também pode aparecer realmente em cada um dos locais. Observadores em cada local verão o mago e podem interagir com ele normalmente. O artífice da vontade, contudo, precisar interagir simultaneamente com cada um dos locais em que projetou a si mesmo. Tudo que disser ou fizer será ouvido e escutado pêlos observadores de todos os locais.

Esta interação vai num único sentido, a partir da perspectiva do mago. Itens em um local não afetam observadores que estejam num local diferente, mas todos os objetos em todos os locais afetam o místiko igualmente. As paredes mais próximas dele bloquearão sua visão, e ele pode sofrer ataques lançados contra qualquer um dos seus corpos multilocalizados.

Um mago pode usar este fenômeno em vantagem própria. A arte de Akasha do Dó possui um movimento avançado chamado de Chute dos Quatro Ventos. O atacante executa um chute giratório voador contra um oponente, e enquanto está no ar multilo-caliza-se para quatro posições diretamente ao redor do oponente, de modo que a força de um chute atinge o oponente de quatro lados ao invés de um. (Adicione quatro Níveis de Vitalidade adicionais de dano ao golpe.)

Os Magos que realmente desejam ocupar diversos lugares ao mesmo tempo podem usar um Efeito conjugado com Mente, Primórdio e Vida, criando um novo corpo e treinando o pensamento para cada local adicional. Embora esta mágika permita que se multipliquem as tarefas mundanas, isso não duplica o Avatar; apenas o original pode realizar mágikas.

• • • • • Mutações Espaciais — Com esta mágika, o mago pode esticar distâncias, mudar o tamanho de objetos ou distorcer o espaço ao seu redor. Um corredor pequeno pode ser esticado por milhas, enquanto um HIT Mark pode ser encolhido até chegar ao tamanho de uma formiga.

No entanto, a massa não muda, a não ser que o mago utilize um Efeito conjugado com Vida ou Matéria, e embora seja fácil fugir de um HIT Mark do tamanho de uma formiga, seria praticamente impossível esmagá-lo.
avatar
Merlin
Admin

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/06/2015

Ver perfil do usuário http://mago-a-ascencao.forum-livre.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Correspondência

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum